Portal Expresso

MENU
Logo
Sexta, 07 de maio de 2021
Publicidade
Publicidade

Segurança

Cabeceira de ponte cai em Brusque e carros ficam presos

Acidente ocorreu na noite desta quarta (21). Bombeiros afirmam que não houve feridos.

Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A cabeceira de uma ponte caiu em Brusque, no Vale do Itajaí, na noite desta quarta-feira (21). Três carros ficaram danificados e presos entre os destroços e um barranco. Não houve feridos, segundo os bombeiros. A prefeitura recomenda que as pessoas evitem passar pelo local.

Carros ficam danificados após ponte ceder em Brusque — Foto: Patrick Rodrigues/NSC

Foto: Patrick Rodrigues/NSC

Pessoas em cima de ponte cuja cabeceira cedeu em Brusque — Foto: Patrick Rodrigues/NSC

Pessoas em cima de ponte cuja cabeceira cedeu em Brusque — Foto: Patrick Rodrigues/NSC

Após a estrutura ceder, houve o rompimento de uma adutora (veja mais informações abaixo), segundo o Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae) e vazava gás no local. Como o registro de água precisou ser fechado, alguns moradores podem ter problemas de abastecimento. Os dois lados da ponte foram isolados pelos bombeiros.

Cabeceira de ponte cede em Brusque — Foto: Prefeitura de Brusque/Divulgação

Foto: Prefeitura de Brusque/Divulgação

A ponte, chamada de Santos Dumont, fica no bairro Santa Terezinha dá acesso à Rodovia Ivo Silveira. Os bombeiros foram chamados às 20h19.

Na hora em que a estrutura cedeu, três carros estavam na ponte e ficaram presos. Quatro pessoas estavam nos veículos. Além dos bombeiros, a Defesa Civil também foi chamada.

Cabeceira de ponte cede em Brusque — Foto: Prefeitura de Brusque/Divulgação

Foto: Prefeitura de Brusque/Divulgação

Os bombeiros informaram que não foi necessário resgatar os ocupantes dos carros porque eles mesmos saíram dos veículos e caminharam até a outra cabeceira da ponte. Os automóveis vão continuar no local e só poderão ser retirados após autorização da Defesa Civil e do Insituto Geral de Perícias (IGP). Esses dois órgãos devem levantar as causas do rompimento da ponte.

O trânsito no local, pela Rua Luiz Gonzaga Werner, está interditado. Segundo a prefeitura, uma equipe de engenheiros do município vai analisar o que causou a queda.

 

Adutora se rompeu

 

A adutora que passa pela ponte se rompeu no momento em que a estrutura cedeu. Depois do acidente, o Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae) fechou a adutora. Representantes da empresa estavam no local na noite desta quarta para verificar o que pode ser feito para que seja restabelecido o abastecimento de água à população.

O Samae informou que as pessoas que moram mais à esquerda do Rio Itajaí-Mirim podem ter problemas de desabastecimento nas próximas horas por causa desse fechamento emergencial do registro. A empresa estuda fazer uma manobra de rede para que a água possa vir de outras adutoras.

Após a Defesa Civil liberar o local, o Samae começará a trabalhar no restabelecimento do abastecimento de água, previsto para ocorrer até quinta (22).

Fonte/Créditos: Por Joana Caldas, Clarissa Battistella e Lucas Paraizo, G1 SC e NSC

Créditos (Imagem de capa): Fotos: Patrick Rodrigues - NSC/Prefeitura de Brusque

Comentários:

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )