Portal Expresso

É falsa a notícia nas redes sociais sobre cadastramento para Auxílio Cidadão de R$ 200

Governo alerta para fake news e explica como será a ação de distribuição dos recursos
É falsa a notícia nas redes sociais sobre cadastramento para Auxílio Cidadão de R$ 200

É falsa a notícia nas redes sociais sobre cadastramento para Auxílio Cidadão de R$ 200

www.economia.gov.br

É falsa a notícia sobre a existência de cadastramento para que pessoas recebam o “Auxílio Cidadão”. O governo federal divulgou Nota de Esclarecimento alertando as pessoas que tenham recebido mensagem informando sobre uma ajuda mensal de R$ 200 para trabalhadores autônomos e pessoas de baixa renda para combater a pandemia da Covid-19, o novo coronavírus.

A única informação correta é que está no material divulgado nos canais oficiais que se referem à criação de um auxílio emergencial no valor R$ 200, por pessoa, durante três meses, para apoiar trabalhadores informais, desempregados e microempreendedores individuais (MEIs) que integrem família de baixa renda. Esse auxílio emergencial não poderá ser acumulado com benefícios previdenciários, Benefício de Prestação Continuada (BPC), Bolsa Família ou seguro-desemprego. O Projeto de Lei ainda depende de aprovação pelo Congresso Nacional.

Quando aprovada a medida vai beneficiar de 15 a 20 milhões de brasileiros e injetar até R$ 5 bilhões por mês na economia custeados com recursos da União.

Portanto, a notícia que circula em grupos de WhatsApp e em postagens de outras redes sociais sobre cadastramento para receber auxílio cidadão, é falsa.

 
 
 

OUVIR NOTÍCIA

É falsa a notícia sobre a existência de cadastramento para que pessoas recebam o “Auxílio Cidadão”. O governo federal divulgou Nota de Esclarecimento alertando as pessoas que tenham recebido mensagem informando sobre uma ajuda mensal de R$ 200 para trabalhadores autônomos e pessoas de baixa renda para combater a pandemia da Covid-19, o novo coronavírus.

A única informação correta é que está no material divulgado nos canais oficiais que se referem à criação de um auxílio emergencial no valor R$ 200, por pessoa, durante três meses, para apoiar trabalhadores informais, desempregados e microempreendedores individuais (MEIs) que integrem família de baixa renda. Esse auxílio emergencial não poderá ser acumulado com benefícios previdenciários, Benefício de Prestação Continuada (BPC), Bolsa Família ou seguro-desemprego. O Projeto de Lei ainda depende de aprovação pelo Congresso Nacional.

Quando aprovada a medida vai beneficiar de 15 a 20 milhões de brasileiros e injetar até R$ 5 bilhões por mês na economia custeados com recursos da União.

Portanto, a notícia que circula em grupos de WhatsApp e em postagens de outras redes sociais sobre cadastramento para receber auxílio cidadão, é falsa.

 
 
 

Fonte

www.economia.gov.br

Comentários

Quer mais artigos e as newsletters editoriais no seu e-mail?

Receba as notícias do dia e os alertas de última hora.
[CARREGANDO...]

Confira mais Notícias

Santa Catarina
Governo do Estado confirma 281 casos e 5 mortes por Covid-19 em Santa Catarina
Governo do Estado confirma 281 casos e 5 mortes por Covid-19 em Santa Catarina
VISUALIZAR
Alto Vale
Após repercussão, prefeito de Presidente Getúlio veta reajuste salarial dos funcionários...
Após repercussão, prefeito de Presidente Getúlio veta reajuste salarial dos funcionários públicos
VISUALIZAR
Santa Catarina
Ex-prefeito do Alto Vale é condenado a cinco anos de detenção por irregularidades
Ex-prefeito do Alto Vale é condenado a cinco anos de detenção por irregularidades
VISUALIZAR
Geral
Ala do Hospital Regional está pronta para receber pacientes com Coronavírus
Ala do Hospital Regional está pronta para receber pacientes com Coronavírus
VISUALIZAR
Geral
Mais de 700 idosos já foram vacinados em Agrolândia
Mais de 700 idosos já foram vacinados em Agrolândia
VISUALIZAR
Geral
Prefeitura inicia campanha de doações para compra de respiradores de UTI
Prefeitura inicia campanha de doações para compra de respiradores de UTI
VISUALIZAR
Fale com a redação!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )