Portal Expresso

MENU
Logo
Terça, 29 de setembro de 2020
Publicidade
Publicidade

Geral

Fiscalização diminuiu número de mortes na rodovia SC 114

A fiscalização constante contribuiu para diminuir o número de acidente e reduzir drasticamente o número de mortes

Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A instalação do Posto da Polícia Militar Rodoviária em Taió, o Posto 23,  era uma reivindicação antiga dos moradores, principalmente dos usuários da rodovia SC 114.  O posto foi inaugurado no dia 30 de maio de 2008, pelo então governador em Exercício, Leonel Pavan.  Depois da inauguração na gestão na época do Prefeito Zeca Goeten, a fiscalização constante contribuiu para diminuir o número de acidente e reduzir drasticamente o número de mortes. 

“O  povo e as autoridades conclamavam pela vinda do Posto Rodoviário. E com muito trabalho desde 2007, o índice de ocorrências baixou gradativamente. Chegou a 488 dias sem vítimas fatais. Em 2019 chegamos a marca de 368 dias sem vítimas fatais”, relatou o comando da PRE. 

Segundo ele, o resultado positivo é devido a fiscalização intensa. “Infelizmente, parte dos usuários da rodovia são desordeiros, andam com excesso de velocidade, forçar ultrapassagens, veículos em mau estado de conservação, pneus lisos, defeito de sinalização, falta de equipamentos, documentos atrasados, são recordistas em dirigir embriagados”

Ele explica que na rodovia passam todo tipo de pessoa, inclusive os criminosos, com drogas ilícitas, armas ou veículos furtados. Também estão na lista os veículos com restrições judiciais e estão em busca e apreensão por falta de pagamento de financiamento.

“Somente com a fiscalização intensa que é feito desde a inauguração do Posto 23, pra conter estes delitos. Temos prioridade a educação para o trânsito, estamos presentes nas escolas, nas empresas, nos órgãos públicos educando e orientando”,  explicou o comando da PRE.

Mesmo com o efetivo reduzido, os patrulheiros estão presentes todos os dias. “Queira o infrator ou não, nós somos a polícia  e nossa meta é continuar salvando vidas”.

E finaliza:  “HOJE SOMOS LEMBRADOS, o cidadão de bem agradece, aplaude, POIS HOJE AS MÃES VEREM SEU FILHOS CRESCEREM!

Por AltovaleAgora

 

Comentários:

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )