Portal Expresso

Segunda, 16 de maio de 2022
MENU

Economia

Polícia Militar Ambiental de SC é a primeira do país a ter um veículo elétrico

Converter um carro à combustível em elétrico sai entre R$ 60 mil e R$ 100 mil. Mas, para comprar um novo, é preciso desembolsar mais.

1278
Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A Polícia Militar Ambiental de Santa Catarina (PMA-SC) é a primeira do país a ter um veículo elétrico na frota. Segundo os pesquisadores do IFSC, além da sustentabilidade, os carros adaptados ficam mais atrativos em um momento em que os combustíveis pressionam a inflação e elevam o preço da gasolina.

Em Florianópolis, para encher o tanque de um carro de 40 litros, por exemplo, o preço chega, em média, a R$ 365. Com o veículo elétrico, o percurso de 400 quilômetros, sai pelo preço de R$ 15 reais na fatura de energia.

 

Converter um carro à combustível em elétrico sai entre R$ 60 mil e R$ 100 mil. Mas, para comprar um novo, é preciso desembolsar mais.

 

"Em 2030, praticamente 80% dos veículos vão ser elétricos. A maior parte das montadoras já tomaram atitudes. Em 2025, algumas não vão mais fabricar carros a combustão e, em 2030, a maioria não fabricará mais", afirmou Adriano Fino Moura, curador do evento em Florianópolis.

 

Porém, segundo ele, para se ter carros elétricos mais acessíveis, algumas barreiras precisam ser superadas. O professor do IFSC Teichmann enumera obstáculos e cita questões de regulamentação.

"Não existe nenhum tipo de legislação que determine como as conversões devam ser feitas. Precisamos de oficinas credenciadas, pessoas treinadas e precisamos de escritórios de certificação".

Fonte/Créditos: g1

Créditos (Imagem de capa): Foto: PMA/Divulgação

Comentários:

Publicidade

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )