Portal Expresso

Segunda, 16 de maio de 2022
MENU

Santa Catarina

Raio-X do Turismo: Governo lança maior pesquisa de demanda turística da história do estado

A partir destes dados, será possível mensurar e qualificar o perfil e o fluxo dos turistas.

151
Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O Governo de Santa Catarina, por meio da Agência de Desenvolvimento do Turismo de Santa Catarina (Santur), executa o maior projeto de pesquisa turística realizado no estado. O Estudo de Demanda Turística, em parceria com a Universidade do Vale do Itajaí, irá proporcionar um panorama atual sobre os visitantes catarinenses. Ao todo, foram investidos R$ 750 mil para a execução da pesquisa que irá até o agosto de 2022.

A partir destes dados, será possível mensurar e qualificar o perfil e o fluxo dos turistas. Além disso, a pesquisa irá contemplar uma análise dos serviços prestados e também infraestrutura turística. E, desta maneira, a Santur terá em mãos informações sobre os hábitos de consumo dos visitantes em diferentes épocas do ano para um diagnóstico completo do turismo praticado em Santa Catarina. 

"Pela primeira vez na história vamos fazer uma pesquisa que contemple todas as 13 regiões turísticas do estado, com tecnologia inovadora para a coleta de dados. Esse é mais um passo para nos ajudar na tomada de decisões em benefício do setor", disse o presidente da Santur, Renê Meneses.

“É mais uma parceria da Fapesc com a Santur que tem um único objetivo: ampliar as possibilidades do setor turístico, com grande potencial em Santa Catarina. Agora a Univali poderá iniciar o Estudo de Demanda Turística e tenho certeza que o resultado proporcionará que as decisões tomadas sejam ainda mais certeiras. A Fapesc acredita no potencial dos pesquisadores catarinenses e traz desafios como estes, proporcionando a conexão cada vez maior da gestão pública com o ecossistema de CTI. Toda a sociedade ganha com iniciativas como estas”, afirma Fábio Zabot Holthausen, presidente da Fundação de Ampara à pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina. 

Para a pesquisa, serão utilizados beacons virtuais espalhados em diversos destinos e atrativos para a captação de questionários on-line, e também o monitoramento da telefonia móvel para compreender melhor o fluxo de demanda turística no estado.

Para participar da pesquisa, basta acessar os beacons virtuais sob a forma de placas indicativas e QRCodes espalhados por alguns dos principais pontos turísticos de Santa Catarina ou acessar pelo link. 

A pesquisa está sendo desenvolvida e aplicada por um grupo multidisciplinar formado, principalmente, por profissionais da Universidade do Vale do Itajaí (Univali) em conjunto com o Instituto Federal Catarinense (IFC). Também apoiam o projeto: Universidade da Região de Joinville (Univille); Universidade do Contestado (UnC); Universidade do Oeste de Santa Catarina (Unoesc); Universidade do Extremo Sul Catarinense (Unesc).

Fonte/Créditos: GOV/SC

Créditos (Imagem de capa): Foto: Felipe Carneiro/Especial/Santur

Comentários:

Publicidade

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )